A importância de uma estratégia no PBR500.

Não basta pedalar e seguir a linha que o GPS indica para chegar ao fim. É necessário traçar uma estratégia com a equipa que o acompanha ao longo de toda a prova. Se vai com apoio da organização saiba que fica limitado ao que nos entregar e nos locais indicados. Nestes casos, a estratégia inicialmente traçada não permitirá grandes alterações.

Os tempos de descanso, andar de dia ou de noite, rígida ou suspensão total, camelbak cheio ou meio, tipo de pneus, roupa, luvas o que se come e onde se come; câmara-de-ar suplente, pilhas, dois GPS são decisões, que  após tomadas, apenas poderão ser avaliadas depois de terminar a prova. Serão, independentemente de boas ou más decisões, lições para outros desafios.

Pense bem, olhe para as informações de 2013, porque 2014 não será muito diferente (as grandes diferenças estarão a partir de Montejunto).

As informações de prova, o que chamamos de Guia do Participante com os ficheiros Google Earth e outras informações, será enviado oito dias antes de sairem de casa para a Covilhã. O Hotel será anunciado em breve.